terça-feira, 14 de maio de 2013

Você


Estou com saudade de você
De você mesmo. É. Você aí.
Que me faz morrer do coração cada vez que te vejo’
‘Você que tem a voz mais doce do mundo
Que tem esse sorriso que devia ser proibido por ser tão perfeito
Você que me faz ficar pensando’
‘Que me faz te querer parado 
na minha frente,só pra eu ficar olhando’
Você que é a razão de tudo
o que eu escrevo
Mesmo agora depois de tanto tempo.
Você que me inspira,
que me realiza,que me faz sentir viva.
Que não tem noção que eu giro em torno da sua órbita
Você que passa e derrama
a música no caminho
Que é tão especial por não
saber que é tanto assim.
Você
Você (Paula Pimenta)

quinta-feira, 27 de dezembro de 2012

Indireta para alguém que não está mais entre nós




É estranho andar por aí e não vê-la, não ouvi-la e mais estranho ainda saber que não voltarei a ouvi-la.
É difícil segurar as lagrimas que vem junto com a saudade.
É ruim saber que nunca mais teremo-na por perto.
É inevitável olhar pra certas coisas e não se lembrar dela porque é impossível esquecer.
Afinal ela ainda está aqui de alguma forma, pois meu coração nunca permitirá que ela se vá.

segunda-feira, 17 de dezembro de 2012

Recomendando filme


A Escolha Perfeita 


Pitch Perfect (original title)

 112 min  -  Comedy | Music | Romance  -  7 December 2012 (Brazil)

Director: 

Jason Moore

Writers: 

Kay Cannon (screenplay)Mickey Rapkin (book)
Beca, a freshman at Barden University, is cajoled into joining The Bellas, her school's all-girls singing group. Injecting some much needed energy into their repertoire, The Bellas take on their male rivals in a campus competition.
Hum... Beca é uma novata na universidade de Barden e ela acaba entrando num grupo à capela chamado The Bellas. Daí tem as nacionais e o The Bellas SEMPRE apresenta a mesma musica e a mesma coreografia, então a Beca chega pra mudar tudo. 
Esse filme já estreou nos EUA há tipo... Séculos! Mas só chegou no Brasil agora e eu fui assisti-lo hoje. Não é um musical porque as pessoas não começam a cantar e a dançar do nada, mas é como se fosse um.
Eu adorei, pra falar a verdade. As musicas são atuais e animadas e o filme é MEGA engraçado.

RECOMENDO
TRAILER

sábado, 24 de novembro de 2012

Recomendando filme



         Intrusos



SINOPSE: “Intruders“, thriller que estrela Clive Owen (“Duplicidade”) e Carice van Houten (“Os Coletores”), mostrando duas famílias com uma rotina aparentemente normal, em que os pais se dedicam aos filhos. O personagem de Owen começa a se preocupar quando sua filha passa a ter pesadelos frequentes e misteriosos monstros passam a atormentá-los. Paralelamente, a vida de outra família também muda assustadoramente.

ORIGINAL:
Intruders (2011)
TAGS:
DIRETOR:
ROTEIRISTA:

Bem, para primeira postagem eu escolhi dar uma dica de filme (um filme do ano passado que eu só descobri agora que já está passando na televisão)

Quem aí curte ver filme de terror levanta a mãooo!!!  Õ/ eu! Eu! Eu! Kkkkkkkkkkkk Okay, Mel, aceite que você é a única que vê filme de terror a noite e ainda dorme a noite inteira de boa. (sim, eu faço isso u.u), mas eu vim dar a dica mesmo assim.
Já ouviram falar de Intrusos? Pra mim, o nome deveria ser Apavorados ou então Sem Rosto, esses sim tem haver com o filme. Por milagre, a tradução do nome está correta, já que em inglês é Intruders, mas mantenho minha opinião.

A história é assim: um garotinho escreve uma história sobre um homem sem rosto, um homem que não era amado, ele era invejoso e ciumento. Ele via pais beijando e abraçando seus filhos e queria ser como os filhos, mas isso não é possível porque ele não tem rosto. Então ele decide roubar o rosto de alguém. O menino começa a viver a história, como se os personagens fossem reais e a mãe dele se envolve também. Uma garota encontra história. Ela lê e começa a escrever uma continuação. Ela, então, vive a história, assim como o garoto. E exatamente do mesmo modo, o pai da menina se envolve na história.
Para quem curte filme de terror, esse aí é classificado como suspense, mas para quem morre de medo... Bem, digamos que se vir não vai conseguir dormir, então não veja a noite ou as conseqüências serão piores. Mas veja o filme, ele é demais! Passa uma mensagem: Não importa o que aconteça, o Sem Rosto estará no seu armário. MENTIRA! (PEOPLE NÃO TENHAM MEDO) A mensagem é que não importa o que aconteça, seus pais estarão sempre com você e eles sempre estarão te protegendo. Sempre. Eu achei o final muito bonito, mas o decorrer do filme dá muuuuito susto!

 “Sem Rosto levantou porque chamaram seu nome, depois de muitos e muitos anos. Ele não era alto nem baixo, nem gordo, nem magro, ele não tinha forma, não tinha sequer um rosto.“


Espero que tenham gostado! Deem dicas sobre o que querem que eu fale!



Recomendando livros


Querido Diário Otário


Heeey people!
Sabiam que eu sou total e completamente apaixonada por literatura? Pois é, e eu vim recomendar uma serie de livros infanto-juvenis bem legal. Pra quem curte ler como eu, a serie é bem bobinha, mas foi com a qual que comecei. Querido Diário Otário conta as aventuras e problemas de Jammie Kelly, uma adolescente normal que vive situações normais.
Okay, quem eu quero enganar? De normal ela não tem nada! Jammie tem uma mãe que não sabe cozinhar, um pai que não sabe ser legal, dois cachorros fedidos, a tia casada com o tio de sua pior inimiga, uma melhor amiga que eu não consideraria minha amiga de jeito nenhum e um carisma que só lendo pra saber! O ar me falta varias vezes enquanto leio seus diários (já são 12, mas são pequenos, relaxa, e mais um pra você escrever), acredite, são hilários! E vem cá, quem não ri da desgraça dos outros?
Você pode achar exemplares de seus diários em qualquer livraria, mas tenha cuidado: Se ela te pegar lendo seus diários, considere-se morto(a).
Ler não é tão chato quando se está lendo um livro de comédia, okay? Então boa leitura e a gente e vê por aí ^.^

sábado, 17 de novembro de 2012

quarta-feira, 31 de outubro de 2012

E daí



     Eu estou assim agora: Mandando ‘foda-se ‘ pra tudo que me desagrada e me concentrando no que realmente é importante.
     Vou rir, brincar, sorrir, zoar... Quero gargalhar o tempo todo! Divertir-me sendo louca e sem noção do jeitinho que eu sou, extrovertida e histérica, infantil e tagarela.
     Lambuzar-me de chocolate, comer bala de gelatina, correr, pular, encher-me de pão de queijo, cantar desafinadamente, dançar como se estivesse cheia de pó –de-mico e implicar com os outros como se minha vida dependesse disso. Simplesmente rir como se não houvesse amanhã. Como se nada mais no mundo importasse.